O ano novo já começou, mas com tantas festas e comemorações, seguidas por férias, você ainda não deu o primeiro passo em busca de uma alimentação mais saudável? Que tal aproveitar nossas dicas e colocar em prática um plano para conquistar mais saúde e disposição para toda a família?

Com a correria do dia-a-dia, a alimentação saudável da família, muitas vezes, fica em segundo plano. É mais fácil recorrer aos lanches, congelados, embutidos ou aos produtos industrializados, que são mais práticos e rápidos de serem preparados, não é mesmo? Só que esses alimentos não são nada saudáveis, eles carregam uma alta dose de sódio e gordura, além de corantes, conservantes e diversos outros “antes”.

A má alimentação, iniciada dentro de casa, está criando uma geração de crianças obesas, fãs de fast-food e guloseimas repletas de calorias vazias, como os salgadinhos.

Pesquisas recentes mostram que o número de crianças com sobrepeso é crescente e que é preciso ficar atento. Como os filhos refletem o que os pais praticam, é necessário dar o exemplo: comer de forma adequada, a cada três horas, preferencialmente, e fazer exercícios físicos. A alimentação infantil exige muita atenção dos pais, pois eles são os maiores responsáveis por proporcionar hábitos saudáveis de alimentação.

É preciso ter atenção, porque para os pais e familiares, nem sempre é fácil reconhecer o excesso de peso. Muitas vezes são crianças consideradas saudáveis ou mais fortinhas. A melhor maneira de reconhecer o excesso de peso é através de consultas regulares com o pediatra, verificando o peso ideal para a idade e a estatura.

A obesidade pode ser causada por alguma doença?
Existem algumas patologias que podem causar excesso de peso. Porém, a maior parte dos casos de obesidade infantil é causada pelo excesso alimentar e pela falta de atividade física. As crianças acima do peso devem ser avaliadas pelo endocrinologista pediátrico para verificar se existe alguma doença concomitante e também se a obesidade pode estar levando a outras alterações.

Posso esperar ele emagrecer na adolescência?
Os estudos têm demonstrado que 80% das crianças e adolescentes com excesso de peso se tornarão adultos obesos. A adolescência não é um período suficiente para a perda de peso, a não ser que haja alimentação e atividades físicas adequadas. Quanto mais cedo mudarmos hábitos alimentares, maior a chance de a criança manter um peso adequado e chegar à fase adulta bem.

Quais os problemas da obesidade?
Muitas crianças com obesidade têm apresentado doenças que antes ocorriam apenas em adultos. Hipertensão, diabetes, alterações do colesterol e triglicerídeos podem ser decorrentes da obesidade. Muitos destes podem ser resolvidos apenas com a melhora alimentar e a perda de peso, mas algumas vezes são necessários tratamentos medicamentosos.

Os pais devem estar sempre atentos à alimentação de seus filhos, estimulando o consumo de frutas e verduras, evitando doces e lanches. É importante manter níveis adequados de atividade física e limitar atividades de baixo gasto calórico, como televisão e computador.

O Pilates pode ajudar na manutenção da saúde

O Método Pilates é uma atividade que trabalha ganho de massa muscular, força, flexibilidade, resistência, além de aumentar a capacidade respiratória, todos itens importantes para a manutenção do peso, seja de adultos ou crianças.

Assim como toda atividade física, o Pilates faz bem para a saúde do corpo e da mente. Isso porque ele alivia o stress devido a produção de endorfina liberada durante os exercícios. A endorfina é uma substância que nos dá a sensação de prazer e bem-estar.

O Pilates é, sem dúvida, uma das formas de exercício mais completas para a saúde como um todo. O Método tem potencial de prevenir os fatores de risco para diversas doenças, até mesmo as do coração, pois concilia exercício postural e de concentração, com foco nas musculaturas das costas e abdome.

Já sabemos também que o Pilates é capaz de reduzir a gordura abdominal, que é perigosa e pode trazer maus efeitos para o funcionamento do nosso organismo. O Pilates também auxilia na redução dos níveis de pressão arterial através das técnicas de respiração que resultam no relaxamento do organismo.

Sendo assim, praticar o Método e realizar uma alimentação saudável pode ajudar (e muito) para a melhoria da saúde.

 

Fonte:https://revistapilates.com.br/ano-novo-habitos-alimentares-mais-saudaveis/

 

 

Venha conhecer nosso Studio!

Rua Alferes Ângelo Sampaio, 350
Água Verde | 80250-120 | Curitiba – PR
Horário: Segunda a sexta-feira das 7h às 21h

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *